Ano da qualidade | Construção Mercado

Construção

Editorial

Ano da qualidade

Edição 148 - Novembro/2013

O ano foi de desaquecimento para o setor da construção, que deve encerrar 2013 com um modesto PIB (Produto Interno Bruto) de 2%, segundo a última estimativa disponível do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (Sinduscon-SP). O resultado fraco esconde, no entanto, os avanços que as empresas da construção obtiveram no campo operacional neste ano. Diversos empresários, diretores técnicos, engenheiros de obra, entre outras fontes consultadas pela reportagem da PINI ao longo deste ano, ressaltaram que 2013 tem sido o momento de ajustar processos, aumentar a produtividade e aprimorar a qualidade das obras. É neste contexto que apresentamos os vencedores do Prêmio PINI 2013.

O resultado fraco esconde, no entanto, os avanços que as empresas da construção obtiveram no campo operacional neste ano

Criado em 1995, a premiação logo se tornou uma importante referência de qualidade no setor. Os fornecedores de materiais e serviços são reconhecidos por um público altamente qualificado, formado pelos leitores das publicações da PINI. A premiação também reconhece obras de destaque, além da melhor incorporadora. Mas nada ilustra tão bem essa busca pela melhoria operacional quanto o Prêmio PINI Iniciativa Setorial de Destaque, que neste ano chega às mãos do Consitra. Esse consórcio formado por fabricantes, universidades, sindicatos da construção e associações vem contribuindo para a melhoria do desempenho dos revestimentos de argamassa nas construções, reduzindo patologias e disseminando o conhecimento técnico aplicado às obras. Parabéns ao setor por essa iniciativa e a todos os vencedores do Prêmio PINI 2013!

Boa leitura!

Gustavo Mendes
editor

A YEAR FOR QUALITY
It has been a slow year for the construction industry, which will close 2013 with a modest GDP (Gross Domestic Product) of 2%, according to the last estimate available from the State of São Paulo Union of the Civil Construction Industry (Sinduscon-SP in the Brazilian acronym). The weak result hides, however, the progress that construction firms obtained in their operations this year. Many businessmen, technical directors, site engineers among other sources consulted by PINI's reporters during the year have emphasized that 2013 has been the time for adjusting processes, increasing productivity and enhancing the quality of the work. It is in this context that we present the winners of the 2013 PINI Prize. Created in 1995, the prize soon became an important reference for quality in the industry. Suppliers of materials and services are recognized by a highly qualified group made up of the readers of PINI's publications. The prize also recognizes outstanding buildings in addition to the best incorporator. But nothing represents this search for operational excellence as well as the Outstanding Industry Initiative PINI Prize, which this year goes to Consitra. This consortium consisting of manufacturers, universities, construction unions and associations has been contributing for the improvement in the performance of mortar coatings in buildings, reducing pathologies and disseminating the technical knowhow applied to construction. Congratulations to the industry for this initiative and to all the winners of the 2013 PINI Prize!

Good reading!
editor

Destaques da Loja Pini
Aplicativos