Alvenaria eficiente: sistema alcança maior produtividade com projetos compatibilizados e plano de execução racional | Construção Mercado

Construção

Como fiscalizar

Alvenaria eficiente: sistema alcança maior produtividade com projetos compatibilizados e plano de execução racional

Por Kelly Carvalho
Edição 158 - Setembro/2014
Foto: Marcelo Scandaroli

O uso de alvenaria estrutural intensificou-se, nos últimos anos, com o desenvolvimento de softwares que permitem cálculos mais precisos e racionalização ampliada do sistema, que se baseia em concepção arquitetônica modular e na incorporação de elementos pré-moldados.

De acordo com o engenheiro Bruno Frasson, gerente técnico da Associação Nacional da Indústria Cerâmica (Anicer), a opção pela alvenaria estrutural também acarreta benefícios econômicos. "As práticas simplificadas e a facilidade de controle da produção geram redução significativa no desperdício de materiais decorrente de retrabalho", afirma.

Em geral, a alvenaria estrutural adequa-se a obras populares ou de padrão mais elevado. O projetista de estruturas Arnoldo Wendler, diretor da Wendler Projetos Estruturais e palestrante de alvenaria estrutural da Comunidade da Construção, explica que o sistema é utilizado de forma eficiente em empreendimentos residenciais e comerciais, com até 15 pavimentos e vãos de laje de 5 m a 6 m. "Para atingir maiores alturas, depende-se de um fabricante que consiga produzir blocos com resistência elevada", ressalta.

A alvenaria estrutural não é comumente empregada em grandes lajes corporativas ou em edifícios residenciais com muitas opções de layout. Os usuários desse tipo de empreendimento costumam demandar muitas mudanças nos ambientes e a remoção de paredes não é possível em obras de alvenaria estrutural. "Remoções requerem reforços estruturais que restituam a estabilidade e são custosas em edificações mais altas", explica o engenheiro Marcelo Rios, sócio-diretor na Geotest Projetos e Consultoria. Ele afirma, no entanto, que essas situações podem ser parcialmente previstas na fase de projeto.

É na fase de projeto, aliás, que todos os detalhes devem ser bem alinhados. Rios alerta que, se o projeto arquitetônico não prevê o sistema construtivo e não aplica a coordenação modular, posteriormente precisará ser adaptado - e o resultado nem sempre é o desejado. "O projeto de instalações deve ser simultâneo ao projeto estrutural, porque várias de suas definições interferem na distribuição de cargas ao longo do edifício", diz.

O projeto de alvenaria estrutural contempla estudo preliminar, modulação, detalhamentos das paredes, tipo de laje, posicionamento das instalações, especificações dos acabamentos, esquadrias e definição do projeto executivo. "A plataforma Building Information Modeling (BIM) tem melhorado muito a elaboração de projetos e, consequentemente, a otimização da fase de execução", afirma Frasson.

Segundo ele, a integração entre os projetos e também o trabalho em equipe - para que todos os projetistas conheçam as potencialidades e limitações do sistema - são importantes para que não ocorram retrabalhos ou improvisações durante a execução.

O engenheiro Valdir Silva da Cruz, conselheiro da Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural (Abece), compartilha dessa opinião. Segundo ele, o segmento ainda carece de uma análise sistêmica, desde o projeto até a construção. "No projeto, os edifícios deveriam ter dimensões modulares e, no canteiro de obras, deveria ser implantada uma linha de montagem para racionalizar e obter qualidade superior na estrutura", completa.

Planejamento e logística
Planejamento e gestão são itens fundamentais para o sucesso do sistema, devendo abranger desde a aquisição dos materiais até a execução de cada parede. Após a etapa de especificação do cronograma físico, uma das fases mais importantes é a equalização dos tempos de execução de cada atividade, de modo que não haja descompassos e nenhuma atividade fique para trás.

O engenheiro Marcelo Rios aponta um item crítico da logística que merece atenção: o armazenamento dos blocos em obras de pouco espaço. "É imprescindível organizar o estoque, principalmente em obras de várias torres, para que não haja utilização de blocos de menor resistência em andares inferiores ao da destinação projetada", diz. Ele sugere que a destinação do material seja programada de acordo com o projeto racionalizado, deslocando a quantidade certa para cada pavimento, de forma organizada e eficaz.

Execução
O engenheiro responsável pela obra é o profissional à frente da inspeção de todo o processo e, para isso, deve dominar o fundamento técnico da alvenaria estrutural. Faz parte de seu escopo de trabalho a conferência da execução da alvenaria, de acordo com o projeto, e a certificação da qualidade dos materiais. Ele também acompanha os resultados dos ensaios e realiza verificações de prumo e alinhamento - de acordo com as especificações das normas de execução, de maneira a conferir os registros dos parâmetros nelas requeridos.

Desde a marcação das alvenarias e da execução da primeira fiada, é necessário observar a precisão nas dimensões, para que os blocos se encaixem conforme a paginação e as juntas mantenham regularidade.

Entre os procedimentos de checagem, Marcelo Rios destaca que, durante a execução, o grauteamento vertical deve ser verificado, para que se ateste o perfeito preenchimento de toda a prumada. "A posição das armaduras também deve ser conferida tanto no grauteamento vertical quanto no horizontal, para que a barra não encoste na parede do bloco, perdendo a aderência com o graute", diz.

No caso de utilização de grampos em paredes com junta a prumo, ele recomenda que se tenha em mãos o detalhe do estruturalista para o posicionamento correto das armaduras.

A argamassa de assentamento deve ser colocada nos septos longitudinais e, conforme o projeto, nos septos transversais - e o prisma a ser ensaiado deve ser obtido da mesma forma. "Além de outros cuidados, é importante conscientizar os operários de que a alvenaria em execução exige a mesma 'responsabilidade' que um pilar de concreto armado, sendo necessária toda a atenção", aponta, ressaltando também a importância das juntas de argamassa, que devem ser uniformes e ter conformidade com o projeto.


PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>
Destaques da Loja Pini
Aplicativos