Bancos ficaram mais rigorosos, mas ainda têm linhas para financiar novos projetos de incorporadoras | Construção Mercado

Negócios

Crédito imobiliário

Bancos ficaram mais rigorosos, mas ainda têm linhas para financiar novos projetos de incorporadoras

Concessão do empréstimo está sujeita a uma análise de viabilidade mais rigorosa

Por Roberta Prescott
Edição 169 - Julho/2015

A retração da economia brasileira, o ambiente de alta nas taxas de juros e a perda de recursos da caderneta de poupança tornaram a concessão de crédito imobiliário à produção mais seletiva por parte dos bancos. Mas, apesar da cautela redobrada, ainda há dinheiro disponível, conforme afirmam agentes financeiros consultados pela reportagem. A diferença, hoje, é que, antes de aprovar o crédito, há uma preocupação maior dos bancos em entender a viabilidade do projeto, a capacidade de entrega da obra no prazo e a maturidade do mercado local onde o empreendimento será comercializado. As análises mais criteriosas, contudo, não significam falta de interesse em financiar a produção.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista Construção Mercado

Outras opções

Destaques da Loja Pini
Aplicativos