Laje nervurada com cubetas foi solução encontrada para redução de custos e ganho de agilidade em residencial no Paraná | Construção Mercado

Construção

Custo comparado

Laje nervurada com cubetas foi solução encontrada para redução de custos e ganho de agilidade em residencial no Paraná

Evelyn Oliveira
Edição 170 - Setembro/2015
 

FOTO E IMAGENS: DIVULGAÇÃO THÁ ENGENHARIA
Laje com cubetas foi opção escolhida por garantir economia tanto com material quanto com mão de obra

A adoção da laje nervurada com cubetas garantiu um custo 15,7% mais baixo do que a laje nervurada com EPS, de acordo com estudo feito pelo Grupo Thá para o empreendimento Arts, residencial com 24 pavimentos, em construção na cidade de Curitiba. Segundo o levantamento, a adoção do sistema com cubetas proporcionou economia de 14,6% nas despesas com materiais de construção e de 21,8% com mão de obra, uma vez que os blocos em EPS são mais caros e também demandam o emprego de mais fôrmas (veja a planilha).

A laje nervurada com EPS era o método já utilizado pela empresa na construção de outros empreendimentos. Esse é um tipo de laje cuja execução emprega isopor e madeira, um material leve, mas que se desagrega facilmente e produz muita sujeira, explica o gerente de projetos da Thá Engenharia, Heron Martinelli Silva. Por consequência, envolve também gastos com o descarte dos materiais no fim da obra.

Já as cubetas são fôrmas plásticas mais resistentes, que podem ser reutilizadas. 'Essa fôrma pode ser reaproveitada até 70 vezes, conforme a condição de uso que o fornecedor indica', afirma Silva. Para isso, é preciso ter cuidado no manuseio das fôrmas plásticas para não quebrá-las, o que geraria despesas com a substituição. A atenção vale especialmente para o momento em que operários pisam na estrutura e fazem o preenchimento com o concreto.

Conteúdo exclusivo para leitores
cadastrados ou assinantes da revista Construção Mercado

Ainda não é um assinante PINI?
Escolha uma das opções abaixo e faça já sua assinatura.

Destaques da Loja Pini
Aplicativos