Imóveis de até R$ 300 mil mantêm mercado ativo em Aracaju, com boa liquidez | Construção Mercado

Negócios

Raio X - Nordeste

Imóveis de até R$ 300 mil mantêm mercado ativo em Aracaju, com boa liquidez

Produtos populares, que ainda contam com facilidades de financiamento, apresentam maior demanda na cidade, segundo representantes do setor

Por Rodrigo Petry
Edição 170 - Setembro/2015
 

TÂMARA CARVALHO/DIVULGAÇÃO: ADEMI-SE
Déficit habitacional no Sergipe supera a marca de 77 mil imóveis

A desaceleração da atividade econômica do País e a recente restrição ao crédito imobiliário tiveram efeito nas vendas e nos lançamentos de residenciais mais nobres no mercado de Aracaju, que passou a se apoiar nas vendas de unidades destinadas aos padrões médio-baixo e econômico. Na opinião do presidente da Associação dos Dirigentes das Empresas do Mercado Imobiliário de Sergipe (Ademi-SE), Mário Nunes, as novas moradias de até R$ 300 mil seguem com boa liquidez graças à demanda reprimida por unidades mais baratas na cidade.

Conteúdo exclusivo para assinantes da revista Construção Mercado

Outras opções

Destaques da Loja Pini
Aplicativos