Está em vigor novo regimento do SiAC, do PBQP-H | Construção Mercado

Legislação

Notícias

Está em vigor novo regimento do SiAC, do PBQP-H

Sistema de Avaliação da Conformidade de Empresas de Serviços e Obras da Construção mudou para atender à Norma de Desempenho

Gabrielle Vaz, do Portal PINIweb
17/Julho/2017
Marcelo Scandaroli

Está em vigor desde o dia 8 de julho o novo regimento do Sistema de Avaliação da Conformidade de Empresas de Serviços e Obras da Construção (SiAC) do Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade do Habitat (PBQP-H). O texto foi atualizado principalmente para atender a NBR 15.575:2013 - Edificações Habitacionais - Desempenho, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).  

"O principal objetivo da última alteração dos documentos normativos do SiAC é induzir as empresas do setor da construção a incluírem, nos seus sistemas de gestão da qualidade, procedimentos que atendam a Norma de Desempenho tanto no processo do projeto quanto nos de execução e entrega da obra, já que o ponto chave para o atendimento à norma está nos projetos", explicou em entrevista ao CBIC Mais Marcos Galindo, presidente da Comissão Nacional do SiAC do PBQP-H e membro da Comissão de Materiais, Tecnologia, Qualidade e Produtividade da Comat/CBIC.

Apesar da importância do projeto, Galindo destaca que o processo de execução da obra, em relação ao planejamento, compra de materiais, recebimento e inspeção dos materiais, construção e entrega, projeto e suas especificações, também deve atender aos requisitos da Norma de Desempenho. Outra alteração é que as obras executadas para terceiros, que recebem os projetos prontos, não possuem a obrigatoriedade de seguir os requisitos exigidos, diferentemente das empresas que elaboram o projeto e realizam a construção.

A revisão do SiAC também acabou com a previsão de nível de adesão ao PBQP-H para as empresas constituídas apenas para um empreendimento específico, que de posse de uma carta de adesão poderiam contratar obra com a Caixa Econômica ou Banco do Brasil. "A consequência disso para as empresas que tinham o hábito de fazer uma SPE (Sociedade de Propósito Específico) para realização de empreendimento é que deverão adaptar sua estratégia, criando as condições para que as novas empresas implantem rapidamente sistemas de gestão de qualidade e se certifiquem no nível 'B' ou 'A', para cumprirem o requisito de contratação".

Por fim, o sistema foi alinhado com a NBR 17021-1:2016 - Avaliação da Conformidade - Requisitos para Organismos que Fornecem Auditoria e Certificação de Sistemas de Gestão), que disponibiliza referências para a auditoria e certificação de todos os tipos de sistemas de gestão.

Vale lembrar que as construtoras que se certificarem no SiAC do PBQP-H optam pela Certificação no "Nível B" ou "Nível A". O Inmetro é responsável pela acreditação de Organismos de Avaliação da Conformidade (OACs). A mudança foi realizada após a Portaria nº 13, de 6 de janeiro de 2017, publicada pelo Ministério das Cidades no Diário Oficial da União (DOU).

Destaques da Loja Pini
Aplicativos